domingo, 7 de abril de 2013

POESIA VIVA DO RECIFE : "RECIFE", de Marco Polo Guimarães




(Homenagem aos 476 Anos da Cidade)




Recife, cidade pantera,
fera de lata e latão,
gume de foice, severa
esfera de ferro, ferrão.

Recife, cidade minério,
rios, ventos, luz e chão,
poço cavado no aéreo
areal da imaginação.  




(Da antologia POESIA VIVA DO RECIFE,
organizada por Juareiz Correya)



___________________________________________________________
MARCO POLO GUIMARÃES - Recifense, nascido em março de 1949.
É diretor de produção editorial da CEPE. Poemaspublicados em jornais,
 revistas e antologias brasileiras. Poesia publicada : Voo Subterrâneo,
Brilho, Palavra Clara, A Superfície do Silêncio, Caligrafias, Sax áspero,
Corpo Inteiro. Participou da primeira edição da antologia  Poesia Viva
do Recife (CEPE / Governo de Pernambuco, Recife, PE, 1996)
Acesse : Agenda Cultural  (Abril 2013) - Literatura 
 http://www.recife.pe.gov.br/agendacultural